Zoo Pomerode está com vagas para empresas amigas dos animais

Foto – DIVULGAÇÃO

(Oficina das Palavras)

A causa animal vem ganhado espaço no cotidiano e apoiar aqueles que se esforçam para garantir o bem-estar das espécies se tornou primordial. Por isso, as empresas amigas dos animais têm a oportunidade de participar do Projeto Arca de Noé, do Bioparque Zoo Pomerode, que há 90 anos se dedica no cuidado, abrigo e tratamento de mais de 900 animais e cerca de 220 espécies, sendo muitos ameaçados de extinção. A proposta visa ter como parceiras as entidades que possuem comprometimento socioambiental.

O projeto propõe que as instituições somem esforços para garantir o cuidado necessário de cada espécie. A empresa oferece uma contribuição ao bioparque e este soma a sua experiência e equipe qualificada para assegurar a manutenção dos animais. Como resultado dessa união, está a melhor oferta de alimentação, cuidado do recinto, conservação do local, entre outros. “Sabemos que ninguém faz nada sozinho. A soma de esforços é o que transforma, é o que melhora. Pequenas ações fazem sonhos virarem realidade”, conta Ana Clarissa Sommer Bruns, gerente Financeiro da Fundação Hermann Weege.

Com o Arca de Noé, a empresa parceira também ganha relevância educacional, já que contribuirá na realização de projetos e ações do Zoo Pomerode. “Nosso potencial educativo é muito grande. Recebemos, por ano, mais de 200 mil visitantes e cerca de 20 mil estudantes, que realizam as visitas com as escolas, como forma de desenvolvimento de informações das atividades propostas em sala de aula e também na formação da cidadania e responsabilidade ambiental de cada um. Também possuímos convênios com universidades de veterinária, biologia e zootecnia e auxiliamos na vivência dos acadêmicos e o preparo desses futuros profissionais”, acrescenta.

Além de reforçar o comprometimento socioambiental, garantir o bem-estar das espécies e contribuir para ações sociais e educacionais, a instituição parceira terá espaço reservado na placa biológica da espécie escolhida. “Nesse espaço inserimos a logomarca da empresa. E também divulgamos essa parceria para nossos milhares de seguidores nas nossas redes sociais”.

Há mais de 90 anos, o bioparque tem o foco no cuidado dos animais, sendo muitos ameaçados de extinção, que passaram por resgate ou que sofreram algum tipo de ameaça no seu habitat. “É válido reforçar o importante trabalho dos comitês de conservação nacionais e internacionais, que fazem o primeiro resgate desses animais e realizam a devida destinação para instituições de cuidado, como a nossa”, explica Ana.

Com administração da Fundação Hermann Weege, o local possui uma estrutura de mais de 115 metros quadrados, mantida com recursos próprios. As empresas interessadas na parceria e trabalho em prol das espécies sob cuidados humanos podem fazer contato com a equipe do Zoo Pomerode pelo (47) 3387-4260 e ter mais detalhes do projeto Arca de Noé.