Paranaenses em Balneário Camboriú

Uma das lojas O Boticário na cidade

(da Redação)

O Paraná teve – e tem – participação importante no desenvolvimento econômico e social de Balneário Camboriú (que comemorou 58 anos no dia 20 de julho). Um dos primeiros edifícios construídos na cidade, por exemplo, foi o Edifício Londrina, empreendimento de paranaenses (o prédio continua firme na Avenida Atlântica, o andar térreo ocupado por 2 restaurantes).

Até o prefeito atual veio do Paraná. Fabrício José Satiro de Oliveira é natural de Curitiba.

Empresas paranaenses, através de filiais, agências, franquias, ajudam na gastronomia, transporte, saúde, moda e até no enterro de balnear camboriuenses.

Pode ser que a relação não esteja completa, mas atuam na Capital Catarinense do Turismo: O Boticário, Boiko Joalheiros, Óticas Diniz, Oral Sin, restaurantes Madero, Jerônimo, Mangiare Felice, pizzaria Baggio, churrascaria Taura, Prati Donaduzzi, PG Tur transporte coletivo, Móveis Brasilia, Elevadores Atlas Schindler, Casa da Azeitona, Sal Diana, Crematório Vaticano, Morena Rosa, Livrarias Curitiba (com o nome de Livraria Catarinense), Expresso Nordeste, Brasil Sul, Big Frango, Mate Leão, Corote, Paraiso Moda Infantil, Electrolux, Vinhos Campo Largo, Audi, Volkswagen, Volvo, Penha, La Violetera, Pluma, Eucatur, Freddo Sorvetes, Sorvetes GelaBoca, Balaroti, Concrebras, Renault, sucos Prat´s, Veridiane Noivas, Floricultura Barigui, Barigui Veículos, Colchões Anjos, Prorelax e FA Colchões, Candeias Clube de Turismo, Vale Fértil, Farmácias Nissei, MadeiraMadeira, Lojas MM, Geninho Thomé (Pasqualotto & GT), Unopar, Cesumar, Uninter, Positivo, La Violetera, Cresol, cooperativas Batavo, Castrolanda, Frísia, Frimesa, Coasul, Agrária, Cocamar, Cooopavel, Lar, C-Vale, Coamo.